10 de nov de 2013

Dicas de games para: Super Nintendo!

Essa era uma postagem de um outro blog meu e que decidi publicar novamente, porém numa versão um pouco mais curta, objetiva e menos pessoal. Ia fazer um Top 5 ou Top 10 de jogos do Super Nintendo, mas isso muitos blogs fazem, então pensei "Ah, são jogos antigos e que atualmente são de fácil acesso, por que não recomendar alguns e relembrar os velhos tempos?". E é isso que você irá conferir agora e nas próximas publicações do especial Dicas de Games!

A maioria de nós que jogamos games eletrônicos e gostamos de consoles em vez de PC, certamente começamos essa paixão lá na infância. Muitos começaram pelo Atari, outros pelo querido Nintendinho e muitos outros pelo Super Nintendo. São consoles que marcarão para sempre a infância de muitas pessoas! Particularmente comecei por uma das versões brasileiras do Nintendinho, o tal do TurboGame da CCE. Quebrou o galho durante um bom tempo, até estragar. U.u E aí que entrou o SNES!

Meu SNES atualmente.

Em 97 eu e meus irmãos finalmente ganhamos um Super Nintendo (SNES/Super Famicom). No começo, como só tínhamos o Super Mario World (que já vinha com o console) e cansamos de zerar o jogo, alugávamos muitas fitas na locadora. Depois compramos algumas fitas ou trocamos com amigos. Em uma certa época tivemos Super Mario World, Bomberman (não lembro qual), Donkey Kong Country 2, Axelay e uma fita pirata que vinha com vários jogos do Mario, entre eles o Mario Paint (onde músicas bizarras eram criadas...), Super Mario Bros (1, 2 e 3) , Dr. Mario, Mario is Missing, Mario e Wario, Yoshi Cook, Mario's Time Machine e outros jogos que não me lembro.

E eu nem conseguia fazer Do Re Mi Fa... ¬¬ Pesquise por "Mario Paint Composer" no Youtube e confira outras músicas famosas na versão do compositor musical do Mario Paint. 

Meus jogos favoritos na época (e até hoje) são: Metal Warriors, Zelda - A Link to the Past, International Superstar Soccer, Mario Kart, Goof TroopBomberman 3 e 4, Super Mario World 2 - Yoshi Island, Top Gear, Tetris, Tartarugas Ninjas IV, Mario RPG e vários jogos da Disney (Mickey, Donald, Aladdin, Rei Leão, etc.). Não cheguei a jogar Chrono Trigger, FF, Dragon Quest e afins, mas espero que consiga fazer isso um dia...


Digo isso porque, assim como muitas pessoas, hoje quando tenho tempo jogo SNES no pc através de um emulador de SNES. Para baixar as roms e emuladores há vários sites, apenas pesquise no Microsoft Google por "roms de SNES" e aparecerá um bando de opções. Escolha a que lhe agrade e seja feliz! Só se lembre que baixar desses sites tem seus riscos, então cuidado! (se seu pc der problemas, pegar vírus, encosto, pomba gira ou ficar possuído pelo capiroto, o problema será todo seu) A instalação do emulador é fácil, assim como é facílimo rodar as roms. Veja um tutorial aqui (é muito simples...). 

Incrível que há 16, 17 anos ficávamos doidos quando conseguíamos um ou dois cartuchos de SNES. Ter mais de três originais então era o máximo do máximo! E aqueles que tinham só cartuchos piratas e que para não perderem o save deixavam dias e as vezes até semanas o console ligado diretão!? huahuahua Hoje você pode ter quantos jogos você quiser no seu pc e não ocupam quase espaço algum!

Música eterna.

Mas recomendo FOCO! Sim, esse é um grande problema. Como há muitos jogos a nossa disposição é comum não focarmos em apenas um e acabarmos por não zerar nenhum! Escolha então no máximo uns três jogos, dividindo-os a seu gosto (tipo: "vou zerar um de corrida, um de RPG e um de plataforma" e por aí vai). Acabe os três e escolha mais três e assim por diante. Você vai conseguir zerar muito mais jogos assim do que se for tentar jogar tudo de uma vez.

Também recomendo que compre um joystick para pc. Há vários modelos no mercado, dos mais variados preços. Se você só for jogar SNES mesmo e não pretende gastar muito, há vários joysticks super baratos por aí, que só possuem os direcionais digitais ("cruzinhas") e não o analógico ("alavanquinha"). Os modelos mais comuns são os baseados nos joysticks do PlayStation, mas há também outros modelos por aí. É  bem melhor jogar no controle do que no teclado do PC (pelo menos eu prefiro assim...).

Vício.

Se você só tem notebook pequeno e quer mais comodidade para jogar e uma imagem melhor, recomendo que compre um cabo HDMI (os preços variam bastante, compre o que considerar melhor) e ligue seu notebook na televisão. Com controle e na televisão você terá um momento bem nostálgico e garanto que irá aparecer um sorrisinho maroto no seu rosto.

JOGUE TAMBÉM:

Jogo que causava estresse profundo em crianças de 8 anos...

...muito, muito estresse. Adorava.

Um dos primeiros games que joguei no snes. Vale a pena conhece-lo!

Quem nunca jogou?

 Cheguei a sonhar com esse jogo na época (sério). Jogue! Demon's Crest é incrível!

Só joguei o comecinho '-' É um dos que quero jogar, pois se trata de um dos melhores jogos do SNES.

Havia jogado Mega Man 7 e não tinha gostado muito. Depois joguei esse e lembro que adorei. É muito divertido!

Não recomendei nenhum jogo de luta, pois não gosto de jogos de luta. Até cheguei a jogar muito Mortal Kombat e Street Fighter, mas nunca gostei tanto assim. Na minha opinião, jogos de luta não oferecem muitos desafios ao nosso cérebro, digo: não possuem enigmas para resolver, textos para ler ou história para prestar atenção. Muito moleque só coloca a camiseta em cima do controle e aperta todos os botões como um frango louco. O que tem de especial nisso? O máximo que esses jogos testam, para mim, é a rapidez dos seus dedos e a capacidade de decorar golpes. Mas é apenas minha opinião e não verdade absoluta e incontestável. xD

Jogue os games que citei nessa postagem, descubra outros também e seja feliz! Fico contente pela Nintendo ter marcado praticamente toda minha infância e pré-adolescência... Depois não sabem porque adoro a Big N que muitos dizem estar falindo desde 1996. Me ajudou muito a desenvolver melhor minha coordenação motora, raciocínio lógico, imaginação, paciência e criatividade, além de ter me proporcionado muitos momentos felizes que nunca irei esquecer. Da próxima vez apareço aqui recomendando jogos do incrível Nintendo 64. Até mais!


2 comentários:

  1. Concordo plenamente, em relação a Nintendo ter marcado a minha infância. Até hoje eu jogo alguns jogos como Donkey Kong e Top Gear só pelo fato das musicas criar uma sensação de nostalgia inigualável. Masss, descordo na questão de jogos de lutas não oferecer desafios. Como assim?! Já tentou jogar Mortal Kombat 2 pelo menos no nivel NORMAL?! Que isso, nem se voce fosse o Jiraya aos 8 anos de idade voce não conseguia passar do 3° personagem. Desafio maior que esse não tinha aos 8 anos de idade, Rsrsrsrs. Sem contar aquele momento onde seus amigos ia pra sua casa e fazia aquela bagunça. Aaaaa velhos tempos. Adorei seu post e vou ficar no aguardo do post do N64. Outro que sem aquele 007 Contra Goldeneye eu não seria nada. Rs...

    ResponderExcluir
  2. muito bom os jogos descordo de vc nao gostar de jogos de luta,ja jogou mortal kombat ultimate na dificuldade very hard , vc mal iria se mexer a apanhar muito ai diz que nao tem dificuldade e que nao usa o cerébro, mais facil vc finalizar os jogos de aventura, ja zerei todos facil, quero ver vc jogar bem mortal kombat, ESSE JOGO AQUI Battletoads É DO SUPER NITENDO ELE É DE LUTA COM AVENTURA QUERO VER VC ZERAR ELE É UM JOGO MUITO BOM, ANTES DE CRITICAR OS JOGOS DE LUTA, PENSA BEM JOGADOR BOM NÃO É SO AQUELE QUE É BOM EM APENAS ALGUNS ESTILOS DE JOGOS ELE TEM QUE SER BOM EM TODOS PASSANDO POR JOGOS DE AÇÃO DE AVENTURA DE LUTA E TIRO RPG E TODOS VALEU

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.