28 de jan de 2013

João e Maria: Caçadores de Bruxas (Hansel & Gretel: Witch Hunters)

Título no Brasil: João e Maria - Caçadores de Bruxas
Título Original: Hansel and Gretel Witch Hunters
País de Origem: Alemanha / EUA
Gênero: Comédia
Ano de Lançamento: 2013
Estreia no Brasil: 25/01/2013
Estúdio/Distrib.: Paramount Pictures
Direção: Tommy Wirkola

Elenco: Jeremy Renner (Hansel), Gemma Arterton (Gretel), Famke Janssen (Muriel), Zoe Bell (Tall Witch),
Peter Stormare (Berringer), Thomas Mann (Ben), Ingrid Bolsø Berdal (Horned Witch), Robin Atkin Downes (Edward voz), Derek Mears (Edward), Pihla Viitala (Mina), [+]

Sinopse: Os jovens João e Maria foram abandonados pelos pais na sombria floresta e acabam indo parar na casa de uma malvada bruxa. Mas o que parecia ser o fim acabou se tornando o começo de uma vida cheia de aventuras, uma vez que eles eliminaram a malvada e viraram verdadeiros exterminadores de criaturas do mal. Após o desaparecimento de várias crianças, os dois já adultos (Jeremy Renner e Gemma Arterton) são contratados pelas autoridades locais para desvendar o mistério, que pode ser muito mais complicado de se resolver do que eles imaginam. 

Vai Lendo!

Sim, você está certo: esse filme não é terror. Mas tem gore, bichos feios e é divertido pra caramba, então por que não falar sobre ele aqui no Vai Assistindo?

Desde A Garota da Capa Vermelha, Hollywood vem apostando nos contos de fadas clássicos para a produção cinematográfica. A maioria dos filmes são mais voltados para os adultos, como o citado anteriormente e assim como também foi o caso do Branca de Neve e o Caçador (que infelizmente foi rebaixado pelo público em geral por causa, principalmente, de uma única atriz) e A Fera (adaptação do clássico A Bela e A Fera). Outros já foram voltados para família, como o divertido Espelho Espelho Meu (e subestimado, apesar de ser bem legal e muito bem feito) e como provavelmente será o tão esperado Jack: O Matador de Gigantes (inspirado no João e o Pé de Feijão). Também temos seriados que reforçaram mais ainda essa nova onda de contos de fadas, que é o caso do Beauty and the Beast, Grimm e principalmente, Once Upon a Time.

Burn the Witch!
 Mas e aí, o que esperar do Jaum João e Maria? Pois afinal, não parece ser uma história que rende muito, não é mesmo? Vi o trailer do filme e confesso que esperava muito pouco. Sei lá, João e Maria... não parecia ser grande coisa. No entanto, acredite,  conseguiram fazer o filme render!

De fato, a história não é lá grandes coisas: João e Maria decidem matar bruxas depois de matarem a bruxa da casa de doces. Eles viram meio que experts nessa coisa. Exagerado? Sim. Mas divertido? Sem dúvidas.

Qual será o trampo de hoje?

Claro, tem muitas bobeirinhas no filme, típicos clichês para agradar o público em geral: cenas de lutas manjadas, piadinhas para fazer todos rirem (e fazem!), moças bonitas, mais cenas de lutas que muitos adolescentes podem classificar como "foda" e um João e Maria um tanto quanto moderninhos (até moderninhos demais para aqueles tempos...). Só que mesmo assim o filme fica interessante e divertido. Sabe, não fica aquela coisa cansativamente previsível. Aliás, tem coisas bem previsíveis mesmo e outras que te surpreendem um pouco por tomarem um rumo diferente.

O figurino em geral é muito bacana. De certo modo moderno demais para a época em que se passa a trama toda, mas o filme já foge da realidade mesmo por se basear num conto de fadas, então porque não colocar um figurino diferentão para deixar tudo um pouco mais interessante? Ok, poderiam não ter exagerado tanto, mas o resultado chama atenção.

Witch Hunters, Matrix Style. o/

A maquiagem e efeitos em CG ficaram bem bacanas. As bruxas, em especial, ficaram incríveis. Cada uma mais esquisita do que a outra, com uns jeitões bem bizarros e pavorosos. Gostei muito mesmo disso no filme. Nada de bruxinha nariguda ou sexy voando numa vassora perfeitamente torta. Elas ficaram horríveis mesmo, e doidonas! Correm, lutam, riem, fazem magias enquanto lutam e riem. São terríveis. Ficou tudo mais dinâmico, mais interessante e mais assustador.

Outra coisa que adorei foi a baixa censura para cenas gore. Sabe aquele momento em que alguém vai estourar a cabeça do outro, mas aí a cena corta ou só mostra uns respingos na tela? João e Maria: Caçadores de Bruxas não tem essa frescura não. É cabeças sendo estouradas, gente esmagada, gente sendo desmembrada, tudo assim de boa. Se você é uma pessoa ultra sensível para esses tipos de coisas, então nem veja o filme. Não acho nada terrível e não tem nada chocante, mas gente sensível demais pode assustar um pouco com todas essas cenas.


As atuações são boas, claro. A maioria são rostos bem conhecidos, como o caso da bela Gemma Arterton (Fúria de Titãs, Príncipe da Pérsia e 007 Quantum Of Solace), Jeremy Renner (o arqueiro do Os Vingadores) e Famke Janssen (a eterna Jean Grey/Fênix, dos X-Men). Nenhum deixa a desejar, embora não ache que Jeremy Renner tenha sido a melhor escolha para esse filme... De qualquer forma, são bons atores que conseguiram nos envolver com a história e com os seus personagens.


Os cenários não são muitos: floresta, casa dos doces, breve parte da cidade, mais floresta e a casa dos doces. E é isso. Talvez seria legal se tivessem explorado "as residências" das bruxas. Poxa, com um figurino bacana daqueles, esperava poder também ver uma casa de bruxa bem bizarrona. Infelizmente isso não acontece. Seria legal ver mais bizarrices. Quem sabe num segundo filme exploram melhor os cenários? Com o jeito que conseguiram transformar a pacata história do João e Maria, seria interessante explorar cenários mais elaborados e esquisitos...


No geral, o filme não desaponta. Na verdade você vai assistir com as expectativas lá nas profundezas da tosquice e acabará se surpreendendo. É, a história é bobinha e com alguns certos exageros. Só que ficou legal. Só também não jogue suas expectativas lá no alto, o filme também não é o melhor dos últimos anos. Assista e depois nos conte o que achou. ;D

Nota (0-10): 7,5

Trailer:


Trailers das outras adaptações de contos de fadas citados no início da crítica:

E todos criticaram somente por causa da Kristen (porque segundo as lendas, você é mais inteligente que os outros se você odiá-la) e se esqueceram de observar os belos cenários, os excelentes figurinos, a atuação incrível da Charlize, a história bem feita (pois poderia ser um filminho bem meloso e chatinho, mas não foi) e o Shishigami do Mononoke Hime a ótima trilha sonora. Se tirasse a Kristen, talvez todos teriam prestado atenção no filme em si e não na necessidade de se parecer mais intelectual que os fãs de Crepúsculo.

Divertido, bem feito, com ótimos atores, cenários espetaculares e figurinos deslumbrantes. E a maioria não gostou porque o humor é para a família toda. Parece que comédias com besteiras e palavrões é o que faz de fato o povão rir. Deprimente.

Não vi ainda. O trailer é legalzinho... 

Série  que estrou no ano passado, baseado no conto A Bela e A Fera. Nunca vi e honestamente não pretendo ver por enquanto...

Também não acompanho, dizem que é bom. Grimm é uma série norte-americana baseada nos Contos de Grimm, dos Irmãos Grimm.

Once upon A Time, série dos mesmos produtores de Lost e que se baseia em diversos contos de fadas, teve uma primeira temporada maravilhosa e encantadora. Porém quando terminou já senti que não poderia esperar muito da segunda. E de fato, aguentei ver somente 3 episódios da segunda temporada. =/

O tão esperado Jack: Matador de Gigantes. Bom, não é muito esperado por mim, mas a galerinha aí parece estar bem empolgada com esse filme.

2 comentários:

  1. Tenha andado a ver uns filmes sul coreanos que tenho gostado imenso e gostaria se possível ver a tua opinião sobre eles é serie Whispering Corridors .

    ResponderExcluir
  2. Ainda nao assisti a esse filme mas gosto do trabalho do Jeremy e gostei muito do trailer quero muito ver.

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.