8 de ago de 2012

Top 9 Filmes de Ficção Científica Mais Assustadores/Bizarros e Um Filme Ridículo - PARTE II

Na lista anterior ( que você pode ler clicando AQUI!, vimos quais filmes são bons, mas não o suficiente para estarem na segunda lista. Foram eles:

Um Charlton Heston ainda em forma em No Mundo de 2020.

Milla Jovovich, sendo apenas linda (apenas mesmo), no filme-jogada-de-marketing Contatos de 4º Grau.

Rufus Sewell (quem?) no obscuro e fantástico Cidade das Sombras.


James Woods que cedeu sua grandeza para fazer o excelente Videodrome - A Síndrome do Vídeo.

E um grupo de atores aleatórios no assustador Fogo no Céu.


A lista de hoje, obviamente, é muito mais interessante, pois, além dos 4 primeiros lugares temos o famigerado filme que pegou a posição de Filme-ridículo-que-queria-deixar-alguém-assustado-mas-só-faz-rir.

Vamos lá então.





                                   4. O Nevoeiro (The Mist) - 2007                                   

Quero deixar claro aqui que sou fã assumida de Stephen King. Amo de paixão seus livros e, principalmente, seus contos assustadores e de encher os olhos. No entanto, fica claro que a maioria das adaptações de seus livros resultam em lixos cinematográficos, em especial, naqueles em que o próprio Stephen King mete a mão como "produtor".

Fica aqui o meu apelo: Stephen King, PARE DE ESTRAGAR SEUS LIVROS AJUDANDO A REALIZAR ADAPTAÇÕES CINEMATOGRÁFICAS DOS MESMOS. Obrigada.

Não adianta fazer essa cara! Você já é rico, pare de estragar nossos sonhos! 

O filme que ocupa esta posição é, obviamente, levando em consideração meu protesto, baseado em um conto de Stephen King com o mesmo nome, do livro "Tripulação de Esqueletos". Mas não se engane! King não produziu este filme. De fato, esta é uma das melhores adaptações de seus livros.

Após uma tempestade que assola o Maine (local onde se passa 99,9% das histórias de Stephen king), David e seu filho de 8 anos vão ao mercado local para comprar mantimentos. Porém, logo após sua chegada ao local, um denso nevoeiro cobre a cidade, deixando todas as pessoas agitadas. Os que tentam se aventurar no nevoeiro, não voltam porque... hum... bem... ninguém sabe.


Segurança em Primeiro Lugar: "Vai lá que qualquer coisa a gente puxa essa cordinha! Desde que o troço lá fora não tenha dentes, né..."

Presos em um supermercado por temer a neblina, os moradores da cidade têm que conviver entre si, que inclui uma fanática religiosa, um cético forasteiro e monstros coadjuvantes.

O filme traz uma crítica ferrenha ao fanatismo e ao caos absoluto que a sociedade pode entrar em uma situação de pressão em um ambiente de pessoas de mentes fracas e ávidas por uma solução inexistente.

Belíssimo filme, melhor que a história original (que já era ótima), momentos de sustos e de tensão. O final é antológico e digno de Oscar, daqueles que criam um arrepio na alma e te fazem pensar.

Não se assuste de ver metade do elenco de The Walking Dead (acho que eles andam em grupos).

Desculpem pela qualidade do video, foi o melhor que encontrei legendado.






                    3. O Enigma de Outro Mundo (The Thing) - 1982                     

Antes de falar de O Enigma de Outro Mundo esqueça tudo o que você já viu de John Carpenter. Talvez o único filme deste insano diretor que seja tão grandioso quanto The Thing seja o clássico Halloween de 1978.

Em um ataque de criatividade, John Carpenter conseguiu transformar um lugar tão imenso quanto a Antártica em um ambiente claustrofóbico e insano. Na época, O Enigma de Outro Mundo não fez o sucesso esperado, no entanto, ao longo do tempo, se tornou um filme cultuado por nerds e cults.

Kurt Russel barbudo.
Em uma estação americana na Antártida, 12 cientistas e operários observam com espanto um norueguês tentar matar de todas as maneiras um cão, atirando, inclusive, nos americanos na estação. Enfim, ele acaba morto e o cão é salvo.

O grupo acaba indo investigar o motivo por trás da loucura que viram e partem para a base norueguesa. Lá, encontram o local destruído e um corpo que parece de uma pessoa.

Aos poucos, a verdade se revela, e o grupo deve lidar com uma ameaça invisível que é capaz de assumir a forma de qualquer ser vivo, causando a desconfiança entre pessoas que se consideravam próximas.

Isso é... um... não sei dizer o que é...
Feito em 1982, O Enigma de Outro Mundo tem efeitos especiais inacreditavelmente bem-feitos para a época, um clima claustrofóbico pesado e um imenso ambiente de tensão, especialmente pelo fato de você não saber sequer se o principal é confiável ou não.

A ideia não é exatamente original (parece muito com Vampiros de Almas), mas o fato do local ser um lugar tão inóspito como a Antártica, sem comunicações e sem nenhum tipo de socorro traz uma experiência mais do que assustadora.

Um filme pra ver, rever, pra mostrar para a família e amiguinhos. A versão remasterizada em blu-ray é um show à parte.

Pra vocês, um trailer a la Alien.




                    2. O Enigma do Horizonte (Event Horizon) - 1997                          

Tive a oportunidade de assistir este filme recentemente para fazer esta lista. Devo dizer que o subestimei enormemente. 

Acabei, por fim, por colocá-lo em segundo lugar. O nome é horroroso, eu sei. É quase igual ao filme do Terceiro Lugar, sendo que os nomes originais NADA TÊM A VER um com o outro. 

Acredito que a pessoa que escolhe esses nomes acordou um dia e decidiu que filmes de ficção científica iriam se chamar Enigma-de-alguma-coisa, então, como este filme tem a palavra "horizon" no nome, virou "O Enigma do Horizonte". 

 Dêem só uma olhada em uma lista absurda de filmes que contêm "enigma" no nome: O Enigma da Pirâmide, O Enigma das Cartas, O Enigma do Colar, O Enigma de Andrômeda, O Enigma do Horizonte, O Enigma de Outro Mundo,  O Enigma do Mal, O Enigma de Talos, O Enigma do Deserto, O Enigma do Cemitério, Enigma de uma Vida, Enigma Mortal.... etc. 

 Bom, este filme é o típico exemplo de "não julgar um livro pela capa", no caso, não julgar um filme porque ele se chama O Enigma de alguma-coisa-relacionada-à-capa-do-filme.

ZÓING!
O Enigma do Horizonte é outro daqueles filmes que poucos assistiram, talvez devido ao marketing infeliz, falta de comunicação, sei lá. De fato, é um desses filmes que, quando mencionados, você diz "ah, já ouvi falar" ou "nunca vi". 

 A expressão "Event Horizon" não é simplesmente o nome do filme. É uma expressão da física, que em português é chamado de Horizonte de Eventos (o porquê do nome ser O Enigma do Horizonte, ninguém jamais saberá), na qual define uma fronteira teórica ao redor de um buraco negro a partir da qual a força da gravidade é tão forte que até mesmo luz é sugada, pois a sua velocidade é inferior à velocidade de escape do buraco negro. 

Em resumo, quando se fala em Buracos negros, o Horizonte de Eventos é "um ponto sem retorno". É o momento em que a força da gravidade ao redor deste buraco negro fica tão forte que é impossível escapar. Neste espaço é dito que ocorrem paradoxos, pois são inexplicáveis pela matemática.


Legal a explicação sobre os buracos negros. Só que eu não entendi nada.

Enfim, no ano de 2047 uma tripulação é enviada para um local próximo a Netuno, de onde foi recebida uma estranha mensagem da nave Event Horizon, que havia sido dada como desaparecida há alguns anos. 

 Ou seja: tá na cara que vai ficar problemático. E que vai ter buracos negros na história.

Dead Space feelings
O mais assustador de "O Enigma do Horizonte" não são aliens ou forças sobrenaturais. O mais assustador é o ser humano e sua busca irracional pelo que ele não entende. 

 O buraco negro os levou ao desconhecido, o ser humano foi alegremente explorar novos mundos, novas civilizações, indo audaciosamente onde nenhum homem já foi capaz de ir (rá!). Mas o desconhecido tem os seus riscos. E é exatamente este risco que a tripulação do Event Horizon atingiu. 

Ao saltar anos-luz de distância, buscando o inatingível, eles encontraram o que não deveria ser encontrado jamais. E isso causou sua ruína e loucura, fato que e a tripulação da equipe de busca descobriu ao adentrar a nave. 

 Até onde o homem é capaz de ir? Até onde ele deveria ir? Até que ponto é permitido chegar o nosso conhecimento do desconhecido? Existem coisas que não devem ser tocadas, ou sequer entendidas. É esta a reflexão deste filme assustador. 

 Não tem trailer com qualidade decente e legendado ao mesmo tempo, sorry.



                         1. Alien - O Oitavo Passageiro (Alien) - 1979                    

Ora, quem mais poderia estar em Primeiro Lugar? 

Quem mais fez crianças chorarem frente à TV? 

 Quem mais deixaria milhares de fãs esperando pacientemente por umas 50 sequências que jamais superariam o filme original? 

 Quem mais conseguiria tornar Sigourney Weaver, repito: Sigourney Weaver, um símbolo sexual de uma década? 

 Quem mais seria copiado, copiado e copiado ainda mais em QUALQUER jogo, filme ou programa referente a aliens? 

 Quem mais, 30 anos depois, daria origem a um filme que tentaria explicar a história de uma estátua bizarra que aparece por 3 segundos no filme? (Prometheus

Quem mais seria, senão o símbolo de toda uma geração que clamava por ficção científica? 

É indubitável (palavra difícil!) que Alien teria o digno Primeiro Lugar, eu estaria sendo hipócrita se não o colocasse aqui, por mais clichê que isso pareça.

Space Jockey, a estátua que Ridley Scott colocou aleatóriamente (é sério!) em Alien, e deu origem ao filme Prometheus.
Alien é muito mais que um filme de terror.

É muito maior que um filme de Ficção Científica.

É uma arte, uma impressão artística complexa, que renovou o gênero e marcou época sendo muito, mas muito mais assustador e impactante do que qualquer filme nesta lista. A começar com sua premissa, escrita em letras garrafais no cartaz: "No espaço, ninguém pode ouvir você gritar.

Inteiramente ambientado no espaço, na maioria do filme dentro de uma nave espacial, a ideia do filme é simples: Se tem um alien assassino em uma nave espacial, para aonde você foge:
- Pra baixo das cobertas? Não, ele tem garras.
- Pro banheiro? Ele tem olfato apurado.
- Pra área de ventilação? Ele sabe rastejar.
- Pra um cofre revestido de metal com espessura de 30 cm? Ele tem saliva de ácido!
- E aí? Perdeu, preiboi.

 Alien é um predador. Nada mais. Em sua mente o seu único instinto é sobreviver e se reproduzir. Não se pode culpar o cachorro por morder um estranho, culpa-se seu dono. Como culpar, então, uma criatura que sobrevive de instinto e que, por força da evolução, acabou sendo bestamente mais poderosa que qualquer ser humano?

Dica pra sua máscara de Helloween neste ano.
O conceito artístico do Alien foi criado por H.R. Giger (um artista plástico suíço cujo trabalho já foi considerado "indecente" por críticos) a pedido do próprio Ridley Scott. Isso lhe rendeu um Oscar de Efeitos Especiais no ano de 1980.

Acompanhe o trabalho do artista clicando na palavra em caixa alta a seguir: ALCACHOFRA. (aviso que se você procurar uma foto dele no google, vai ficar horrorizado).

Para fazer o Alien, Giger começou esculpindo sua face sobre um modelo de crânio humano, o resultado final foi o alien de cabeça longa e feições levemente humanas, com alguns "melhoramentos".

Alien de Giger. Reparem nas semelhanças com o ser humano. Hein?
Um filme de terror "cru", cruel e violento. Uma constante claustrofobia que cerca o filme inteiro por se passar em um local inóspito e escuro.

Mesmo que perca a graça dos sustos ao longo do tempo, já que essas crianças de hoje não se impressionam com nada, Alien é um filme que durará para sempre: nas nossas memórias quando morremos de susto ao assistir ainda crianças, nas comparações a outros filmes de ficção científica, e em todas as outras mídias que ainda prestam homenagens ao maior marco do gênero.

Se você ainda não viu (que vergonha, hein...), espere a noite chegar e todos dormirem, apague as luzes, aumente o som e se renda ao terror na sua melhor forma. Eu duvido que você vai dormir bem.

 O trailer é um espetáculo à parte. Merecia um Oscar.









Bem, finda a lista, vamos ver qual é o pior filme de Ficção Científica que, supostamente, era pra ser assustador, mas ficou simplesmente horrível. E não, não teve Predador na lista porque eu nunca assisti o Predador original! Rá!



               Pior Filme de Ficção Científica com Temática Terror:               
                       Fantasmas de Marte (Ghosts of Mars) - 2001                       

Exatamente. Fantasmas de Marte é um dos filmes mais imbecis que eu já tive oportunidade de assistir. 

Um filme que subestima a MINHA, a SUA, a NOSSA inteligência ao mostrar uma história passada em Marte, onde seres extraterrestres-vampiros tentam matar e expulsar os humanos do seu planeta (que curiosamente, tem oxigênio!). 

É sério mesmo isso? É sério, sim.

E é tão sério que o diretor deste filme é o mesmo do nosso terceiro lugar, o imprevisível John Carpenter! Como uma pessoa consegue chegar ao topo com filmes como Helloween e descer ao inferno com um filme assim, ninguém saberá!

Maquiagem HI-LÁ-RI-A
A sinopse do filme é essa coisa que eu acabei de escrever.

Ah, além desses extraterrestres-fantasmas, temos o rapper Ice Cube fazendo o papel de um presidiário perigoso (um negro presidiário? Nossa, nem um pouco clichê. Como a pessoa se submete a isso?), uma Natasha Henstrige fazendo o que ela sabe fazer melhor: um filme péssimo, e o fantástico ator Jason Statham completamente apagado.

  Fantasmas de Marte é péssimo, entediante, previsível e MUITO mal feito. Chega a ser engraçado em várias cenas ridiculamente bizarras.

Jason Statham, o que você tá fazendo ??
Enfim, não tenho muito o que falar mais deste filme, a não ser dizer que ele beira o charlatanismo barato e a subestimação da sua inteligência.

Existe um pequeno grupo de pessoas que diz coisas como "daqui a 20 anos este filme vai ser o novo Enigma de Outro Mundo", mas NÃO ACREDITE NELAS!

 Este filme é um lixo esquecível, uma GRANDESSÍSSIMA porcaria. Aliás, nem sei porque você ainda tá lendo sobre ele. Ignore a sua existência medíocre.

É mais divertido e saudável enfiar agulhas nos olhos a assistir esta coisa.

Acompanhe minhas risadas vendo este trailer hilariante.


15 comentários:

  1. odeio ficção. mais parabens ae pela lista

    ResponderExcluir
  2. Rá, eu acertei os quatro primeiros colocados! o/

    ResponderExcluir
  3. Me esqueci: Eu assisti O Enigma do Horizonte. Realmente merece a posição que foi dada.

    Já em relação á Alien. Boa colocação, porém, eu gosto mais de Alien³. =/ Acho q só eu, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto do 3, mas se eu distribuísse as sequencias de Alien na lista nao ia sobrar espaço pra outros filmes XD

      Excluir
  4. faltou A Experiência.

    ResponderExcluir
  5. Uia, achei que 'cê ia postar amanhã só a segunda parte xD

    Eu amo O Nevoeiro, tanto o conto quanto o filme, porém gosto mais do final do filme mesmo sendo depressivo da forma que é.

    Pretendo ver Enigma de Outro Mundo e Enigma do Horizonte.

    E Alien... Devo ter visto quando era muito novinha e mal me lembro do mesmo, então verei de novo.

    Ótima lista, parabéns pelo post. ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gostei mais do final do filme. O do conto também é depressivo, mas dá uma sensação de vazio...

      Obrigada pelo elogio :*

      Excluir
  6. Já baixei alguns da lista anterior, e dessa já assisti quase todos, realmente o alien é campeão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem melhor que Alien. está um nível acima de qualquer filme feito ou que IRÁ ser feito.

      Excluir
  7. Alien realmente merece a posição que ficou, uma dúvida: quando vão colocar a critica de Prometheus no site?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro temos que assistir o filme. Se eu assistir em breve, juro que faço uma crítica.

      Excluir
  8. 4. O Nevoeiro

    Quando fui assistir o Nevoeiro, era pra ser so mais um filme
    "descompromissado" do S. King, apesar de gostar de seus livros, os filmes
    não eram nada demais (tirando IT). Mas para a minha surpresa, este foi difefente.
    Conseguiu passar um clima tenso, e uma visão crítica e plausível da paranoia humana.
    Os homens se tornavam mais perigosos que o proprio monstro.


    3. Enigma do outro mundo
    Eu sei que já assisti em algum momento da minha infância durante o 'cinema em casa do SBT' e só consigo imaginar
    "como nós crianças não ficamos loucos/perturbados assistindo esses tipos de filme depois da escola?".
    Bons tempos.

    2. Enigma do horizonte (enigma do enigma)
    A unica vez que vi foi na Tela de Sucessos (a SBT novamente) e acho que foi
    uma das primeira vezes que me lembro de ter ouvido o termo de "buraco de minhoca".
    É um filme que gostaria de rever

    1. Alien
    A primeira coisa que me lembro quando ouço falar desse filme é o meu pai dizendo
    "NÃO VAI ASSISTIR ESSE FILME, É MUITO NOJENTO!"
    acho que ele tinha medo que eu me transformasse num garoto perturbado, mal sabia ele que passava coisa muito pior na tv de tarde...

    0. Fantasma de marte
    Me esforcei, e muito para ver esse filme. Não passei dos 10 primeiros minutos (nas duas tentativas)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 4. Tbm me deixou perplexa. Subestimei o filme e saí tensa do cinema.

      3. Eu sou louca/perturbada. O filme cumpriu seu objetivo.

      2. Recomendo Donnie Darko entao XD

      1. Cara, qdo criança preferiria ver Alien 48574 vezes do que assistir de novo o filme do power rangers na sessao da tarde.

      0. Tem que esvaziar a mente e fingir que é semi-retardado pra aguentar ver este filme inteiro.

      Excluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.