24 de jul de 2012

Alucinações do Passado (Jacob's Ladder)

Título no Brasil: Alucinações do Passado
Título Original: Jacob's Ladder
País de Origem: EUA
Gênero: Suspense
Tempo de Duração: 115 minutos
Ano de Lançamento: 1990
Direção: Adrian Lyne

Elenco: Tim Robbins (Jacob), Elizabeth Peña (Jezzie), Danny Aiello (Louis), Matt Craven (Michael), Pruitt Taylor Vince (Paul), Jason Alexander (Geary), Patricia Kalember (Sarah), Eriq La Salle (Frank), Ving Rhames (George), Brian Tarantina (Doug), Anthony Alessandro (Rod), Brent Hinkley (Jerry), S. Epatha Merkerson (Elsa), Macaulay Culkin (Gabe), [+].


Sinopse 

Jacob (Tim Robbins) é um ex-soldado no qual a Guerra do Vietnã deixou marcas profundas e irreversíveis. Constantemente Jacob vê seres estranhos ameaçando-o de morte, com suas lembranças do passado ao lado de sua família se misturando a alucinações desconexas de algo que aconteceu na guerra e que alterou radicalmente sua percepção da realidade. Contando apenas com o apoio de sua namorada Jezebel (Elizabeth Peña) e de seu amigo Louis (Danny Aiello), Jacob tenta descobrir a causa verdadeira de seus delírios.

Vai Lendo!


Em 2009 meu amigo do blog Faça Bom Aproveito me passou Jacob's Ladder (A Escada de Jacó) e me disse que era muito bom. Também citou que esse filme foi uma das importantes influências para a tão famosa série de games Silent Hill. Assisti assim que pude, ainda no mesmo ano e de fato, o filme é muito bom. Mas porque então não fiz logo uma crítica sobre ele?

Jacob's Ladder é um pouco mais complicado, possui referências bíblicas e provavelmente de várias outras obras. Gostaria de fazer uma crítica perfeita e bem completa, comentando sobre cada elemento desse impressionante filme, mas depois de 3 anos percebo que não conseguirei fazer. Peço então que caso você já tenha visto o filme e notou alguma referência que não citei aqui ou tem explicações para determinadas cenas, comente. Não deixe de comentar, apontar detalhes que você percebeu, questionar... Esse é um dos poucos filmes que nos proporciona diferentes interpretações, que nos faz pensarmos em tudo o que vimos e até em nossa própria vida. Não é, portanto, um filme para quem tem preguiça de pensar. 


O filme começa com vários soldados na guerra do Vietnã e é a partir e por causa daí que se desenrola toda a história. Farei algumas explicações mais para o final da postagem, pois contém spoilers. Apenas tenha em mente que tudo no filme é importante, todas as cenas, as coisas estranhas que o protagonista vê, tudo tem algum motivo. Assista Jacob's Ladder prestando atenção em cada detalhe, em cada cena. Não é um filme complicado de se entender, mas pode gerar interpretações diferentes, embora provavelmente apenas algumas estejam certas.


A trama está mais para drama e suspense do que terror. Mas há sim certas cenas assustadoras e macabras. Cenas estas que notamos grandes semelhanças com a série Silent Hill e aí podemos compreender de onde veio a inspiração para as coisas bizarras que vemos nos games. Seres estranhos e com rostos deformados, situações bizarras e perturbadoras e um cenário bem triste, sombrio e por vezes, macabro. Entenda, o filme não é terror, mas trabalha bem esses elementos estranhos em determinados momentos, enquanto Silent Hill os usa praticamente o tempo todo.


É um excelente filme para quem gosta de pensar e refletir sobre as coisas da vida. Não o assista esperando terror porque Jacob's Ladder não é terror. Assista sem preguiça de pensar e deixe se levar pela história do filme. Recomendo não ler spoilers, para não tirar a graça da coisa toda. Li alguns comentários em determinados sites onde afirmavam que a história nem era lá grande coisa (do tipo: não é tão nova assim). Me dá preguiça quando leio comentários assim. O filme é de 1990, é lógico que assistindo o filme hoje alguns poderão não achar grandes coisas, pois certamente outros filmes já copiaram a ideia desse. No entanto, assisti em 2009 e achei sim a ideia genial e surpreendente. Quem ainda não assistiu, assista logo e não leve em consideração o título em português (Alucinações do Passado).

Nota (0-10): 9,5

Trailer


Curiosidades

- Bruce Joel Rubin escreveu o roteiro de Jacob's Ladder nos anos 70 e durante anos tentou levá-lo às telas sem sucesso. Foi apenas quando o projeto chegou às mãos de Adrian Lyne que o filme realmente saiu do papel, com o diretor trabalhando com Rubin para reescrever o roteiro.

- Para compôr o filme o diretor Adrian Lyne se inspirou nas pinturas de Francis Bacon e no livro "A Divina Comédia".

- Adrian Lyne intencionalmente pôs que Jacob e suas visões nunca aparecessem juntos na mesma cena.

- O filme serviu de inspiração para os criadores da série de jogos Silent Hill, em que a ambientação, as luzes, e o terror psicológico dos jogos, foram baseados neste filme.

Breve explicação (contém SPOILER)

- Li em alguns sites de que o que Jacob's Ladder (A Escada de Jacó) é um termo que se refere ao livro de Gênesis (28:11–19), a qual o filme pode ter sido inspirado. Não li a Bíblia e não entendo nada do assunto, então não poderei ir mais afundo nisso. Se você já leu e entende, talvez consiga "pescar" mais detalhes do filme.

- O que afinal das contas se passa com Jacob (Tim Robbins), o personagem principal? Ele estava doido? Tudo foi um sonho? Aquelas coisas do Vietnã realmente aconteceram? 

Pelo que entendi, realmente aconteceu algo de estranho no Vietnã. Utilizaram aquela droga ("a escada") nos soldados americanos, para que estes ficassem mais agressivos, mas não esperavam que um atacasse o outro. Acabou que naquela loucura Jacob foi atingido no estômago pelo próprio amigo e ficou entre a vida e a morte no hospital do exército. Enquanto ele não aceitava a morte, suas memórias sobre amigos e família eram distorcidas, a ponto de só o atormentar. Ele vê demônios e coisas bizarras, se vê numa nova vida, longe da família que amou... É um verdadeiro inferno para Jacob. E tudo isso tem um motivo: ele só se livraria dessa espécie de purgatório quando não tivesse mais medo de morrer. Tudo o que acontece tem o único propósito de fazê-lo aceitar a morte. Mais para o final do filme, um dos personagens diz: 

"...se tem medo de morrer e está suportando, verá demônios aterrorizando a sua vida. Mas se encontrou a paz interna, então esses demônios serão apenas anjos te libertando da Terra. Depende da maneira como se vê as coisas."

Quando ele finalmente encontra essa paz interna, encontra-se com seu filho (que morreu muito jovem e está fortemente presente nas memórias de Jacob) e os dois sobem a escada rumo a uma forte luz.

Então sim, durante todo o filme ele na verdade está no hospital. Tudo o que se passa é uma espécie de purgatório. A morte do filho dele, no entanto, foi real sim. Já "a escada", a droga utilizada no exército, ao meu ver, foi real também. Tanto que ele só encontra mesmo a paz depois de descobrir o porquê dele ter morrido. No entanto, essa coisa da droga também pode ter sido fruto desse purgatório, por isso talvez que até hoje se tenha tantas dúvidas em relação a isso. 

Se você tem explicações melhores, não deixe de compartilhar com a gente! xD

8 comentários:

  1. O Jogo Silent Hill 4 reproduz a cena em que Jacob está na maca sendo levado para o hospital.

    Ao video clip Nightmare da banca Avenged Sevenfold também reproduz a cena. http://www.youtube.com/watch?v=94bGzWyHbu0

    Silent Hill 4 também reproduz a cena do metrô (mesos ângulos de câmera e tudo o mais)

    Jacob's Ladder foi o primeiro filme a apresentar aquele movimento das cabeças balançando (e foi feito sem edição!). Foi uma tentativa de reproduzir as imagens dos quadros do Francis Bacon. As criaturas de Silent Hill 2 também fazem o mesmo movimento.

    Algumas propagandas que aparecem no metrô (todas são anti-drogas)foram reproduzidas no jogo Silent Hill 1

    Além do Francis Bacon outros artistas serviram de inspiração para o visual do filme, como por exemplo Joel-Peter Witkin (o trabalho dele foi inspiração para os demônios, William Blake, H.R. Giger e Diane Arbus.

    ResponderExcluir
  2. Acabei de descobrir que o Tarsem Singh também reproduz uma cena de Jacob's Ladder num comercial para a MTV.

    ResponderExcluir
  3. Eu sou louco para ver esse filme. Mas sempre algo me atrapalha. =/

    ResponderExcluir
  4. Acho que droga foi criada por ele para explicar as alucinações. Ele simplesmente não queria morrer depois se aceitou e morreu. Final bad de silent hill 1 rsr onde tudo é apenas um purgatório rsrs

    ResponderExcluir
  5. Belo Filme e uma explicação admirável, parabéns...

    ResponderExcluir
  6. Engraçado que tinha lido que o filme tinha se inspirado no Livro Tibetano dos Mortos e aqui tu fala que foi A Divina Comédia.

    ResponderExcluir
  7. Filme divino e emocionante, tão real, tão extraordinariamente real

    ResponderExcluir
  8. eswtou procurando assisti de novo esse filme. a ultima vez eu tinha 10 anos de idade. quem souber agradeco.

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.