9 de set de 2011

O Médico e o Monstro (Dr. Jekyll and Mr. Hyde)

Título no Brasil: O Médico e o Monstro
Título Original: Dr. Jekyll and Mr. Hyde
País de Origem: EUA
Gênero: Terror
Tempo de Duração: 67 min.
Ano de Lançamento: 1920
Estúdio/Distrib.: Paramount Pictures
Direção: John S. Roberttson 

Elenco: John Barrymore (Dr. Henry Jekyll /Sr. Edward Hyde); Brandon Hurst (Sir George Carew); Martha Mansfield (Millicent Carew); Charles Lane (Dr. Richard Lanyon); Nita Naldi (Gina).[+]

Sinopse: O médico Dr. Hyde, bondoso e gentil, é estimulado a procurar os prazeres da vida. Quando cria poção que libertará seu lado hedonista torna-se o bestial e lascivo Sr. Hyde, espalhando o terror pela cidade.

Vai Lendo!

Como sempre repito quando posto sobre filmes mudos e em P&B, para assistir a esse tipo de filme exige um pouco de paciência. Em O Médico e o Monstro, adaptação óbvia da obra literária de mesmo nome, nela vemos o nascimento de vários clichês, como, por exemplo, vilões feios, duelo entre o bem e o mal, babacas que enchem a paciência do protagonista, entre outros.

“Que coisa maravilhosa, meu rapaz.”
Outra coisa bem interessante é o perceber como as pessoas pensavam na época. Chega a ser engraçado, mas em relação ao ano em que foi lançado, digo que a proposta até que foi ousada. Durante a história do cinema, tivemos dois grandes períodos marcados pelos extensos e massivos lançamentos de filmes do gênero terror: décadas de 20-30 e década de 80. Então, podemos concluir sem grande esforço que esse filme é um dos vanguardistas do terror.

É, mais respeito aos filmes mais velhos.
A história se desenvolve de forma bem simples, sem grandes mistérios ou reviravoltas. De muitos de sua época, talvez seja um dos poucos que possam agradar o atual público jovem, isso se esse estiver disposto. Gosto muito de filmes antigos, pois são relatos históricos, e como em O Médico e o Monstro, percebemos algumas tendências que até hoje se encontram. Não há muitos efeitos visuais nem grandes maquiagens, mas os atores são bem expressivos, então entendemos bem o ocorrido.

É nesses momentos que eu concordo com o Charlie Chaplin sobre a revolução sonora.
Julgar um filme tão antigo (quase 100 anos de diferença) é bem difícil. Porém, como dizem os narradores esportivos: “Clássico é clássico, e vice e versa”. Não tiro o mérito dele, mas se comparamos O Médico e o Monstro com outros filmes da época, até que esse é mediano. Não sou nenhum hiper culto conservador, mas filme bom existe em qualquer década.

Nota (0-10): 7,5

Trailer
Desta vez não há trailer, nem montagem simulando um. E olha que procurei...

7 comentários:

  1. Se tiver oportunidade, verei este =)
    Tem como fazer uma crítica também do filme Pânico na neve(Frozen)? Grato. :D

    ResponderExcluir
  2. Como com todas as sugestões, eu tentarei assistir.
    Obrigado pela dica!

    ResponderExcluir
  3. Esses filmes são muito cuzão... Vão falar sobre filmes mais recentes.... tipo o grito 2,pânico 4 e por ai vai..;

    ResponderExcluir
  4. NELSON ALONSO DE OLIVEIRA FILHO21 de novembro de 2011 15:05

    ...GAROTA NA CHUVA Ô NO VERÃO

    ResponderExcluir
  5. NELSON ALONSO DE OLIVEIRA FILHO21 de novembro de 2011 15:05

    PARECE O MEU COCO

    ResponderExcluir
  6. NELSON ALONSO DE OLIVEIRA FILHO21 de novembro de 2011 15:07

    PARECE A MINHA BUNDA

    ResponderExcluir
  7. NELSON ALONSO DE OLIVEIRA FILHO21 de novembro de 2011 15:07

    MUITO DA HORA

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.