10 de set de 2011

Fome Animal (Braindead/Dead Alive)

Título no Brasil: Fome Animal
Título Original: Braindead/Dead Alive
País de Origem: Nova Zelândia
Gênero: Terror/Comédia
Tempo de Duração: 113 min.
Ano de Lançamento: 1992
Estúdio/Distrib.: WingNut Film
Direção: Peter Jackson 

Elenco: Tomothy Balme (Lionel Cosgrove); Diana Peñalver (Paquita Maria Sanchez); Elizabeth Moody (Vera Cosgrove); Ian Watkin (Tio Less); Brenda Kendall (Enfermeira McTavish); Stuart Devenie (Padre McGruder); Jed Brophy (Void).[+]

Sinopse: Lionel é um moço que vive com sua mãe controladora. Um dia ele marca um encontro com uma moça em um zoológico, e a mãe, que não aceita o fato, decide seguí-lo. Mas, quando chega ao zoológico, ela é mordida pelo Macaco Rato da Sumatra, o qual tem uma mordida fatal chamada de "Sengaya". Depois disso, a mãe de Lionel fica doente e morre. Mas ela acaba voltando como um zumbi faminto por seres humanos. Lionel tenta esconder sua mãe-zumbi da garota, e acaba passando por situações nada agradáveis.

Vai Lendo!

Fome Animal é considerado um dos filmes “mais nojentos e repugnantes” da história do cinema, ao lado de Holocausto Canibal e Náusea Total (sim, tem uma lista de filmes assim). Esse título é dado porque o filme é nauseante sem razão alguma. Isso mesmo, o filme é extremamente exagerado, diferente dos demais, os quais suas repugnâncias têm alguma relação com cada história (mesmo que mínima). Se você se julga “resistente” o suficiente, ou é algum psicopata com sangue frio, eis um desafio leve para encarar.


Pobre Lionel...
Outro fato curioso sobre esse filme é que ele é repleto de humor negro, com cenas totalmente sem noção e inimagináveis. O roteiro é simples e limitado, algumas atuações são cômicas, porém continua sendo mesmo assim um filme para poucos. A história até que é criativa, talvez a intenção fosse realizar um filme de terror irreverente, e ao mesmo tempo chocante. Com certeza o filme é um choque para muitos. Não me surpreenderia se vários leitores admitirem já ter visto Fome Animal, pois é um dos filmes menos recomendados e mais comentados, realmente vale a pena ver, porque é divertido apesar de toda a nojeira.


“Urgh, esse filme me parece nojento.”
O filme tem sangue, tripas, sangue, cadáveres, sangue, monstros, sangue, mais tripas... Eu já disse sangue? Com um orçamento de três milhões, o filme não é muito complexo, mas cumpre seu papel, dando status para quem diz “eu já assisti Fome Animal” no circulo de amantes de terror, claro que é um falso patamar, pois tem muito filme pior no mercado que nem dá pra assistir de tão pesado, a única impressão que você passa ao dizer isso é de ser um nerd. O filme se encontra para download em diversos sites, mas dificilmente você o encontrará em locadoras ou na TV paga.


Ainda está a fim de assistir?
Fome Animal não dá medo, mas é necessário estômago. O filme inteiro parece uma bizarra paródia de filmes de zombies, repleto de estereótipos e caretas. Descrever o enredo é quase que fazer spoiler do filme todo. Quando eu disse que é preciso ter estômago, é no sentido de estar acostumado com filmes com “banhos de sangue e tripas”, pessoas mais sensíveis a esse tipo de cenas com certeza passarão mal. Fome Animal não tem nenhum segredo, mas ainda sim é um Cult dos filmes trash.

Nota (0-10): 8

Trailer



Curiosidades 

- No total, foram usados mil litros de sangue de porco para fazer o filme; metade disso foi usado somente para a cena do cortador de grama. 

- A filmagem não teve um corte sequer. 

- Em alguns países como Alemanha e Inglaterra, 18 minutos do filme foram censurados. 

- Na Suécia foram distribuídos sacos de vômito para quem alugasse o filme. 

- Também foram distribuídos sacos de vômito em alguns cinemas onde passava o filme.



6 comentários:

  1. Muito bom esse filme. Peter Jackson em início de carreira, hehehe. Me lembro de assistir direto quando passava na BAND.

    ResponderExcluir
  2. Gosto bastante desse filme, lembro que a primeira vez que eu vi tinha uns 7 anos de idade auhuhsauhs e tipo marcou minha trajetória de filmes bizarros. Hoje com 21 anos voltei a assisti-lo, e ainda dou vômito com a mesma cena que nunca saiu da minha cabeça : A mãe do Lionel na mesa de jantar com aquele prato nojento argh huahuhauhsusauh

    ResponderExcluir
  3. é o maior filme gore ded todos!!
    depois de a história de Ricky é claro.

    ResponderExcluir
  4. "Se você se julga “resistente” o suficiente, ou é algum psicopata com sangue frio, eis um desafio leve para encarar."
    Bah que exagero cara,no submundo dos filmes de horror tem filmes inimaginaveis mesmo,realmente doentios.
    Fome animal é "o" classico isso sim,indispensavel pra fans do genero mesmo,Peter Jackson quando ainda era humilde.

    ResponderExcluir
  5. Este filme simplesmente é sensacional, para quem gosta de cortes este é o maior de todos, carnificina.Vale a pena assistir e se matar de dar risadas.

    ResponderExcluir
  6. Esse filme é divertidíssimo! Lembro de ter passado mal de rir no cinema (passou no saudoso Noitão do HSBC Belas Artes de São Paulo) com a cena do Lionel levando o bebê ao parque.

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.