3 de jun de 2011

[REC] 2 - Possuídos (Rec 2)

Título no Brasil: [Rec] 2 - Possuídos
País de Origem: Espanha
Gênero: Terror
Classificação etária: 16 anos
Tempo de Duração: 85 minutos
Ano de Lançamento: 2009
Estréia no Brasil: 03/09/2010
Estúdio/Distrib.: PlayArte
Direção: Jaume Balagueró / Paco Plaza

Site Nacional

Elenco: Jonathan Mellor, Óscar Zafra, Ariel Casas, Alejandro Casaseca, Pablo Rosso, Pep Molina, Andrea Ros, Àlex Batllori, Pau Poch, Juli Fàbregas, Ferran Terraza, Claudia Silva, Martha Carbonell, David Vert, Manuela Velasco .

Sinopse: Passaram-se 15 minutos depois que as autoridades perderam contato com as pessoas enclausuradas no edifício. Ninguém sabe o que acontece lá dentro. O caos toma conta do lado de fora, enquanto uma equipe da SWAT, com câmeras de vídeo, é enviada para o interior do prédio para monitorar a situação e determinar o que está acontecendo. Uma tarefa aparentemente rápida e fácil. Mas todos sabem, as vezes, as aparências enganam.

Vai Lendo! (Contém pequenos spoilers, nada que estrague a graça do filme, mas se você é daquele tipo que não gosta de saber absolutamente nada sobre um filme que ainda não viu então recomendo que não leia).




Desde que vi o trailer do REC 2 achei que o filme seria ruim. Normalmente as continuações são ruins mesmo, muitas são desnecessárias e vendo o trailer já dá pra quase ter certeza se uma continuação vai prestar ou não. No caso do REC, antes mesmo de ver o trailer do segundo filme imaginei que seria tosco. Por que pensei isso? Porque REC é um filme que não precisava ter continuação. O primeiro já foi ótimo (não achei tudo aquilo que muitos acharam mas é um bom filme), não foi um filme todo explicadinho de mais (o que também é bom) e o final foi excelente (poderiam deixar como mistério, "Angela morreu ou não?"). Mas não, insistem em fazer uma continuação para explicar coisas que não precisavam ser explicadas. Ok, muita gente queria explicações, porém acho que a maioria esperava explicações melhorzinhas do que as vistas nessa porcaria, sim, porcaria de continuação.

Aaah, o que estou fazendo nessa droga de filme!?

O filme inicia com uma equipe da SWAT indo para o local onde aconteceu o "incidente". Eles entram no prédio com um suposto médico para tentar controlar a situação. As atuações logo de início já são terríveis e não melhoram nada com o passar do filme. Os atores que interpretaram os policiais são fracos, assim como o que fez o médico. Só pelas atuações fracas metade do filme perde a graça. Outro detalhe nesse começo do filme é que quando eles entram no prédio o local está completamente vazio. Eles conseguem ir até o último andar sem encontrar ninguém, mas lembram que no primeiro filme os "infectados" estavam correndo por todos os cantos do prédio? Como eles somem assim do nada?

Faça um tour pelo prédio dos infectados encapetados

A câmera estar presente toda hora também não teve muito sentido. Ok a SWAT ter câmeras no capacete, mas o que tem haver aquele cara filmando? Estão brincando de Discovery Channel? No primeiro filme o motivo de ter alguém filmando foi bem explicado, já que se tratava de uma equipe de TV. Agora uma equipe especial que era supostamente para estar alerta com qualquer tipo de ameaça anda por um prédio escuro com um de seus poucos membros carregando desvantajosamente uma câmera na mão... é meio estranho. A explicação "temos que mostrar o que está acontecendo" foi fraca e tola. Eles estão ali para procurar por sobreviventes, controlar a situação e buscar evidências, e não para gravar um documentário para a BBC. Resumindo: a utilização de câmeras amadoras nesse filme não teve uma explicação satisfatória. Sem falar que como estupidamente reclamaram que a câmera tremia de mais no primeiro filme, nesse filme a câmera treme de menos, o que deixou menos realista. No primeiro filme se tratava de um cara comum numa situação muito tensa tendo que filmar tudo o que acontecia. Em certas cenas ele tinha que correr, pular, desviar dos infectados e claro, muitas vezes ele estava com medo. Então é lógico que a câmera vai tremer! Se não tremesse eu ia desconfiar do cara...

Angela Vidal: viva e sem graça nessa continuação

Mas o pior do filme não foram as atuações fracas ou a falta de realismo. Ao meu ver o que acabou com essa continuação foi a explicação geral para tudo o que estava acontecendo: possessão demoníaca. Só que não uma possessão demoníaca qualquer. No filme a possessão demoníaca é um vírus! Sim minha gente, agora possessão demoníaca virou vírus! Então tome cuidado para ninguém espirrar perto de você quando for numa sessão de desencapetamento, porque agora você já sabe: possessão demoníaca é vírus.

 As maquiagens pelo menos prestaram

No primeiro filme aquele final com a gravação do padre falando sobre a menina Medeiros tinha dado a entender que quando a menina começou ficar estranha todos pensaram em possessão demoníaca, mas investigando o padre descobriu tratar-se de um vírus muito forte e perigoso. Ok, ótima explicação. Era um vírus, o padre e a igreja estavam escondendo do resto das pessoas pra não gerar espanto e desespero. Até aí tudo ótimo, pois afinal das contas todos que eram mordidos ou tinham contato com o sangue dos infectados acabaram ficando infectados também. Então a opção "possessão demoníaca" ficou obviamente descartada. Aí me vem essa continuação e diz que de fato é um vírus, mas é o vírus da possessão demoníaca. Quem contrair fica possuído, como a Regan do O Exorcista ou a Rose do O Exorcismo de Emily Rose, só que violentos como os infectados do filme Extermínio. Isso não é criatividade, é falta dela. Simplesmente não colou essa explicação nonsense. Se queriam chamar atenção e surpreender com esse segundo filme que tivessem inventado outra coisa, mas não uma explicação tão tosca. E sempre tem gente vindo defender "aah, mas ficou criativo", "ah, mas sei lá...pode acontecer". Não, não ficou criativo e é ridículo falar que possessão demoníaca é vírus. E não, eles não quiseram dizer que as pessoas supostamente possuídas estão na verdade com um vírus, simplesmente a possessão é um vírus.

Nota (0-10): 2  (apenas pelas maquiagens, que são legais) 

Trailer



Curiosidades

- Os diretores Paco Plaza e Jaume Balagueró dublaram algumas das pessoas infectadas exibidas no filme;

- Pablo Rosso, o câmera do filme original, atua como um integrante da SWAT neste filme;

- As roupas usadas por Manuela Velasco são exatamente as mesmas por ela utilizadas no filme original.
Outros posters do filme




Um último comentário sobre o filme: Vi gente falando "No The Evil Dead eles também eram infectados possuídos". Lá é outra história, não confundam as coisas. No Evil Dead assim que eles terminaram de escutar a voz no gravador que invocava entidades naquela região, um por um começou a ser possuído. Não foi vírus, nem nada. Tanto é que a primeira possuída não foi ferida por outro possuído. O Ash é mordido, arranhado e tudo mais pelos monstros e não vira um deles. O negócio lá é fugir da entidade, do demônio que despertou na região e que consegue possuir as pessoas quando estão indefesas ou desprotegidas (igual quando um deles decidi ir pra floresta, é certeza de que será possuído).

Tem muito mais o que falar sobre esse filme... os adolescentes no prédio, o retorno da Angela Vidal, as conversas ridículas com os possuídos, o "médico" que não quer ir embora do prédio e todos concordam até rápido de mais... enfim, bastante coisa, mas a postagem ficaria enorme. Então quem tiver alguma dúvida ou queira discutir sobre o filme é só comentar aqui na postagem e irei responder. Se errei em algo que falei sobre o filme também podem e devem me corrigir, mas com educação é claro. 

5 comentários:

  1. Hey, estão gravando o terceiro, quero uma postagem falando dele. Quando sair. No proximo vão falar da origem do virus possessão. Vai ser uma merda mais eu vo ver mesmo assim.

    ResponderExcluir
  2. Nos proximos dias, tenho certeza q esta sera uma das mais debatidas, comentradas, criticadas e famosas postagens q este blog tera em tda a sua historia. Sequencias sao polemicas por natureza, pq podem ou nao ser necessarias.

    Infelizmente, nunca vi REC 2, mas pelo q sei sobre ele mtos amaram e mtos odiaram. Entretanto, mesmo aqueles q gostaram admitem q o primeiro e' melhor, e' raro achar alguem q gostou dele mais do q o 1.

    D qq forma, eu ja sei o misterio do filme (causa do virus) e sinceramente nao acho q isso vai atrapalhar a minha experiencia. Mesmo q eu achasse esta ideia pessima, saber sobre ela antes d ver o filme diminuiria minha frustracao.

    Apesar d nao fazer tanto sentido assim d forma pratica, eu acho q a ideia d um virus demoniaco merece aplausos por ser original. Zumbis dominados por uma doenssa desconhecida ja foram vistos demais, e unir dois generos d terror em um so e faze-los bem feitos nao e' trabalho pra qualquer um. Oq ficou tosco com esta ideia foi a cena do primeiro filme q a contradiz, pq nele explica claramente q a causa NAO ERA o demonio,oq o segundo filme vai la e desmente.

    Nao sei dos atores e nao reclamarei deles, mas acho q existe um motivo para os zumbis se esconderem quando os policiais entram no predio e nao aparecerem logo d cara. Como eles estavam possuidos, acredito q ainda tinham um nivel d inteligencia proximo d um humano normal,e entao resolveram se esconder para pegar os agentes d surpresas e nao levarem tiros logo d cara.

    Mas uma coisa eu tenho certeza q prejudicou este filme. No primeiro,as vitimas eram em sua maioria pessoas normais, desarmadas e apavoradas. Ja neste ai os soldados sao treinados e possuem armas pesadas, quebrando o clima d medo e angustia. Afinal,ficou muito mais facil matar os zumbis desse jeito. Lembra mais resident evil do q o proprio REC.

    Um dos motivos d,apesar d ter gostado do filme, eu ter achado q AP nao foi tao bom quando deveria foi a camera sempre permanecer parada. Uma camera em movimento sempre da mais suspense e medo do q uma q fica sempre no mesmo lugar. Caso eu concorde com vc quanto a camera realmente ficar parada em REC 2, duvido q venha a sentir medo com este filme

    OBS: Creio q esta foi a maior e mais dificil postagem q eu ja fiz aqui,meus dedos doem d tanto digitar. Mas valeu a pena.

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei,não é melhor q o primeiro,mas é bom.Adorei a historia dos adolescentes e eu até fiquei com um pouco de medo(é pior q sim)so não achei legal a Angela,ela virou infectada,AFF,odiei!No começo gostei dela lutando,mas ai ela mata todos,e uma pergunta q não quer calar:O q aconteceu com os adolescentes depois q o menino foi infectado,eles desapareceram do nada!

    ResponderExcluir
  4. quero entender oq aconteceu a Angela Vidal no segundo filme. ela tava possuida tbm? sei la, eu nao assisti o segundo filme, mas pretendo assistir pelo menos em homenagem ao primeiro, que foi otimo. Li em um outro blog, que na verdade Angela Vidal tava possuida no segundo filme, e que tava só desfarçada(WTF??). Mas ainda nao assisti o filme...

    ResponderExcluir
  5. Não gostei muito do Segundo D:
    Já acabaram as filmagens do Terceiro, que é sobre uma festa de casamento com um convidado que escapou do prédio e está possuído pelo vírus, espalhando para todo mundo, MAS QUE ROTEIRO WTF DDDD:
    O Quarto filme também está sendo produzido, segundo o site Filme-Trailer, o filme será o que aconteceu depois do REC 2.
    Provavelmente a cronologia será: REC 3 é o início do filme, e o outros seriam a continuação tendo o REC 4 como desfecho mostrando a infecção se espalhando num tipo de Resident Evil.
    Ou seja, no final de tudo, todo mundo fica contaminado pelo vírus e a humanidade acaba.

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.