6 de jun de 2011

Re-Animator: A Hora dos Mortos Vivos (Re-Animator)



Título no Brasil: Re-Animator: A Hora dos Mortos Vivos
Título Original: Re-Animator
País de Origem: EUA
Gênero: Terror
Tempo de Duração: 95 min.
Ano de Lançamento: 1985
Estúdio/Distrib.: Empire Pictures
Direção: Stuart Gordon 

Elenco: Jeffrey Combs (Herbert West); Bruce Abbott (Daniel “Dan” Cain); Barbara Crampton (Megan Halsey); David Gale (Dr Carl Hill); Robert Sampson (Dean Alan Halsey); Gerry Black (Mace). [+]


Sinopse: Herbert West é um estudante de medicina que desenvolveu um reagente capaz de reanimar criaturas mortas. Ao lado de seu colega de quarto, Dan Cain, West precisa de corpos frescos para continuar suas experiências mórbidas. Porém, seu professor, doutor Carl Hill, tem planos de conseguir os créditos da descoberta só para ele.

Vai Lendo!

O filme é uma adaptação de um livro do escritor americano H. P. Lovecraft, chamado Herbert West – Reanimator, que foi inspirado em Frankenstein. Esse é um dos fatos que mais me espanta, mais do que o próprio filme. Re-Animator une elementos de ficção científica e, até mesmo, comédia, claro que estamos falando de um humor quase negro (ou mulato para quem preferir), sendo considerado Cult.


“... e além de reanimar corpos, esse incrível soro brilha no escuro. Ligue já e garanta o seu.”
Este filme é bem apelativo, com bastante tripa e sangue, corpos desfigurados e uma cena de nudismo da personagem feminina (não se animem, a cena não é excitante). Com certeza, Re-Animator é mais um daqueles filmes quase impossíveis de assistir comendo, não faço ideia de como este filme conseguiu a categoria de Cult, no meu ponto de vista, é está mais para um filme trash.

O real significado de “Problemas Intestinais”.
Re-Animator não é uma totalmente uma perda de tempo. Tem até uma história boazinha, algumas atuações boas e faz algumas referências de modo inteligente. Outra coisa interessante é que existe uma versão censurada, menor do que a do cinema (óbvio). Eu não tive acesso à versão do censurada, então não posso dizer quais foram as grandes mudanças no filme.


Dr Hill é muito estressado, vive perdendo a cabeça.

A trama, por si só, é curta e sem grandes surpresas. Algumas situações são extremamente sem noção. Aliás, é a utilização do humor que deixa o filme “assistivel”, e com certeza é uma grande marca da obra. Sem dúvidas, é obrigatório que fãs de filmes de terror o assista.

Nota (0-10): 7,5

Trailer

5 comentários:

  1. Pra um filme antigo, eu acho ele muito bom \o

    ResponderExcluir
  2. na minha opinião esse é um dos melhores filmes da decada de 80, a melhor safra de filmes de terror realmente são os oitentistas.

    http://midiadomedo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. “... e além de reanimar corpos, esse incrível soro brilha no escuro. Ligue já e garanta o seu.”

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

    Xo t perguntar: não tem crítica sobre A Coisa (acho q o original é The Thing mesmo) é aquele sobre um marsmallow alienígena gostoso e viciante q deixa as pessoas ocas, tipo enzubizadas kkkkkkkkk é muito bom tb, neste estilo, pelo q li. Procurei na pesquisa do site e não encontrei.

    Sou nova por aqui e tô gostando bastante. Muito bem escrito e detalhado, dá pra ver que é de gente q sabe do que tá falando. Parabéns à equipe e obrigada :)

    ResponderExcluir
  4. Você tem que mudar seu conceito de filme trash...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente e assino embaixo.

      Excluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.