8 de ago de 2010

Bakjwi


Título brasileiro: Sede de Sangue
País de Origem: Coréia do Sul  
Duração: 133 min
Ano de Lançamento: 2009
Direção:
Chan-wook Park  
Roteiro: Seo-Gyeong Jeong, Chan-wook Park, baseado em romance de Émile Zola
Elenco: Kang-ho Song, Mercedes Cabral, Ok-bin Kim, Hae-sook Kim, Ha-kyun Shin, In-hwan Park.

Sinopse:
Sang-Hyun (Kang-ho Song), um padre que acredita que a vida é preciosa, torna-se voluntário de um projeto secreto de desenvolvimento de vacinas para ajudar a salvar vidas a partir de um vírus mortal. Mas, durante o experimento, ele é infectado com o vírus e morre. Quando recebe uma transfusão de um sangue desconhecido, milagrosamente, volta à vida, mas o sangue o transforma em um vampiro. Sang-hyun está agora em conflito entre o desejo carnal de sangue e sua fé, que o proíbe de matar. Mas se ele não pode sobreviver sem se alimentar de sangue humano, então, como ele poderá obtê-lo sem recorrer ao assassinato? 

Vai lendo! 


Olá pessoal!
Estou muito sumida da internet ultimamente. É que eu ando enjuada de ficar na frente do pc sempre, então, eu andei tirando umas semanas de folga para ver filmes e encher a cara com os amigos... Por consequência dessa ultima opção, quase destrui meu cotovelo e meus joelhos, mas da nada XD

Essa semana eu fiz uma maratona de filmes de terror orientais. Escolhi uns 20 filmes pra baixar, lá do site Asian Space! Baixei os que tinham uma sinopse legal e uma capa bonita (nem faço questão de ver trailers XD). Mas enfim, eu só vi cinco dos que eu baixei e gostei só de dois... Então, vou comentar do que eu mais gostei.

___________________________________________________________________


Normalmente quando nós lemos a sinopse de um filme coreano, ficamos meio cabreiros já. Eu, particularmente, detesto filmes coreanos de terror porque normalmente eles são mais um drama terrível com sangue e fantasmas de amantes, do que um filme de terror própriamente dito. 
Então, eu tenho esse probleminha com os coreanos.
Mas, Sede de Sangue me fez ter um outro conceito quanto a história de vampiros.

O filme é novo, sua data original de lançamento é de 2009, mas ele saiu esse ano no Brasil, então, contamos como filmes de 2010. 
Então, para o pessoal que gosta muito de vampiros, mas que está entrando em desespero com os filmes novos que estão saindo sobre essas criaturas fascinantes, pode ficar despreocupado, porque esse foi o melhor filme de vampiro que eu vi na vida!
Só fica atrás dos clássicos e do Entrevista com o Vampiro.

Sério, sensacional esse filme!
Coisas sobre vampiros que você olha e diz "isso sim é um filme de vampiro"!

Agora você para e pensa "nossa, um filme de vampiro e coreano ainda", era pra ser o pior filme, porque essas duas coisas juntas só daria em merda, mas saiu um coisa totalmente incrível!

Mas o que Sede de Sangue tem de melhor é uma inconsequente oscilação entre gêneros. A cada meia hora, um ganha a vez, sempre escoltados por humor negro, sangue e estilização!
É um filme que mistura um romance totalmente proibido aos olhos de um padre e sobre o surrealismo que é ter os poderes de um vampiro.

A única coisa que não muda muito é a misoginia dos filmes do diretor Park Chan-wook, que também é autor da Trilogia da Vingança formada por Mr. Vingança (2002), Oldboy (2003) e Lady Vingança (2005).
Para o diretor sul-coreano, todo homem está condenado a ruir na mão de uma mulher, até mesmo os vampiros!

Bom, vamos falar sobre a história.
Primeiro vem o drama. O padre Sang-hyeon, parece exausto de rezar a extrema-unção aos católicos que vêm a morrer no seu leito. Devotíssimo, mas aberto às "obras de Deus por meio da ciência", ele se submete a um experimento que tenta achar a vacina contra um vírus letal. Sang-hyeon reage mal à substância, mas escapa da morte depois de receber uma transfusão de sangue. A população começa a tratá-lo como santo. Ou melhor, o santo enfaixado.
Ele usava faixas no rosto, pois sua pele ficou muito sensível ao sol, nisso, se ele ficasse muito tempo exposto a ela, acabaria morrendo (como os vampiros de verdade).


Logo depois dessa melação toda, vem o romance.
Sang-hyeon aprende que se tornou uma espécie de vampiro, ou seja, ele precisa de sangue novo regularmente para que o vírus não o vença (ele começa a definhar. O vírus cria várias úlceras na sua pele que vai também avançando para o interior do corpo, fazendo ele morrer) e isso acontece justamente quando reencontra uma amiga de infância, Tae-joo, (uma guria tarada!)
Bem, digamos que Sang-hyeon, como era padre, começou a entrar no "caminho da perdição" quando se reencontrou com Tae-joo... uuuuu


Mas nessa parte, que simboliza os vampiros, que eles existem apenas para o prazer carnal. Eles são criaturas das trevas, literalmente falando. O fato de Sang-hyeon ter que viver somente à noite, beber sangue dos outros e sentir atração e prazer por outro corpo mostra o vampirismo nele, mas só o carnal, pois ele tem a reflexão nos espelhos, isso mostra que ele não é um vampiro de verdade, e somente uma representação de todos os desejos que um vampiro necessita.
Sendo seus vampiros seres carnais, então o simbolismo preferido de Chan-wook é o sexual: Flautas fálicas que ejaculam sangue, alicates que simulam felações, mais saliva e som alto quando ela chupa o dedão dele e ele lambe o pé dela. O diretor não mede palavras nem imagens para transformar o seu padre em um vampiro clássico, movido pelo desejo, como Nosferatu (cuja gola alta, escondendo o pescoço, Sang-hyeon adota no lugar da batina.)

Sim, o filme é pesadinho, tem várias cenas eróticas, e que não estaria muito longe de um filme pornozinho! HUSHUSHUS
 
Há muito fetiche, morbidez e sadismo em Sede de Sangue, mas desta vez estão dentro de contexto. Estão violentamente penetrados em contexto!

É um filme que vale muito a pena ver, se você gosta de vampiros!








8 comentários:

  1. Sim,sim,siiiiiiiiiim!!!!! Ha meses eu estava esperando por esta postagem,pensei ate' q ela nunca seria feita!!!! Mais uma vez,obrigado morte!!!

    Em primeiro lugar,ja vou dizendo que,ao contrario de vc,eu amo filmes coreanos. Adoro os asiaticos em geral,mas os coreanos ocupam sem duvida alguma o primeiro lugar entre eles. O drama td para mim mais ajuda do q atrapalha. Te faz sentir pelos personagens e deixa cenas ainda mais aterrorizantes, afinal vc enxerga de perto o sofrimento das vitimas (ao contrario dos americanos,q te fazem torcer para os personagens morrerem desde a primeira fala). Outra coisa boa coreana e' a fotografia, q geralmente e' excelente. Sabe como e',eles se preoucupam em fazer os filmes bonitos esteticamente, ao inves de entupir de efeitos especiais toscos,como os americanos fazem.

    Eu acho q o povo precisa mudar a forma de pensar e perceber q filme coreano (e asiatico,em geral) da d 10 a 0 em filme americano. Eles sao mais criativos,corajosos,assustadores,poderosos e realmente podem ser chamados de terror (na minha opiniao). Um dia,eu planejo me mudar para a Coreia do Sul,ficar rico la,me casar com uma coreana linda e ter lindos filhos de olhos puxados. xD

    Agora,vamos ao filme. Eu gostei tbem,mas nem tanto quanto vc. Vale a pena,sim,mas nao esta na minha lista de filmes coreanos favoritos. Por causa de um unico problema: a velocidade da narrativa. O filme ficou mais longo do q deveria,alem de mtas cenas tendo sido feitas de forma lenta demais. No final fiquei morrendo de sono e ja fui dormir logo. Tirando isso, o filme e' perfeito, os atores,fotografia,historia,terror e violencia estao excelentes. Pena q um unico problema impediu o filme de virar a obra prima q poderia ter sido. Mas td bem,quem gosta de filme oriental precisa ver. Nota 8.

    Ah,e nem preciso dizer que este filme humilha,massacra,destroi,pisa,cospe e caga na boca do LIXO q e'crepusculo(e suas sequencias). Por mim, este filme passava em tds os cinemas e o mundo inteiro via e aplaudia de pe',enquanto crepusculo ia ficar esquecido e empoeirado nas locadoras. Aqui os vampiros sao oq eles sao,ao inves de serem afeminados,fracotes,puritanos e bobos.

    Por ultimo,quais foram os outros filmes orientais q vc baixou?? Posta eles tambem!!!! Queria saber quais para te dizer oq eu achei deles (se tiver visto) e depois recomendar outros q eu gostei. Se nao puder postar,td bem,basta responder os nomes. O cinema de terror oriental e' maravilhoso,e tem mto filme bom q ninguem conhece mas merecia ser visto.

    Obrigado pela postagem e continue postando mais nos proximos dias,pq a ultima coisa q eu quero e' ver o blog parado de novo!!! xD

    ResponderExcluir
  2. Pois é ompanheira Morte, passaste na minha frente pois eu também pretendia em um futuro breve escrever sobre esse filme rsrsrs.

    Mas o que realmente é mais interessante é que este é um filme sobre vampiros de verdade, e trata de um romance sem ser piegas, sem aquela estorinha de eu sou perigoso, você não tem medo de mim? blablabla
    E melhor ainda é que não tem nenhum lobisomem para travar alguma cena de "lutinha" em algum crossover estúpido.

    Esse é um filme sério, dramático cheio de metáforas e um dos melhores filmes de vampiro dos últimos tempos, na minha opinião só perdendo para Deixe ela entrar.

    ResponderExcluir
  3. HSUHSUHSUHSUS

    eu realmente amei esse filme!
    Eu que não gosto muito de vampiros, adorei esse.

    Filmes coreanos normalmente me deixam com sono. (ex. Gabal, a tale of two sisters e cello).
    Não vou mentir, as capas dos filmes coreanos realmente me atraem mtu! São muito bonitas e bem atrativas pra quem gosta de filme de terror. A arte que eles fazem é muito melhor que a dos japoneses... Mas, os filmes são mtu dramaticos pra ser terror... por isso, eu já não gosto mtu.

    Desculpe João, eu nem sabia que vc ia falar sobre esse, mas é que eu fiquei tão empolgada que logo depois de ter visto ele, eu já vim aqui procurar se já não tinham postado XD

    HUSHSUHSHUSHUHS

    ah, gabriel, os outros filmes que eu vi... foi um coreano inclusive, chamado "Yoga Class", o filme é chato e não tem pé nem cabeça e com um final sem sentido.
    Dois foram japoneses, um chamado "Grotesque", que eu achei tosco. O outro é um tal de "Goth", fala sobre um assassino serial. É bem parado, mas não deixa de ser bom. E "Fear Factors" que é um chines, se eu não me engano... bonzinho até. HUSHSUHUSS

    ResponderExcluir
  4. Morte

    Bom,destes outros 4 filmes que vc viu, o unico que eu assisti foi o Yoga Class. E eu gostei,foi bem original e bem feito,apesar de so' ter me dado medo perto do final e os personagens serem todos cliches. Poderia ter sido bem melhor,mas eu gostei.

    Eu nem me importo em ver filmes "parados", sejam eles de terror ou de qualquer outro genero. Filmes so sao considerados chatos (para mim), se nao possuirem uma historia boa o suficiente que te de motivos para assistir. Eu detesto filmes que tem centenas de efeitos acontecendo na tela,mas a historia e' vazia e sem conteudo algum (#cof# Alice no pais das Maravilhas 2010 #cof#)

    Agora , filmes orientais que tem para baixar neste site e eu GARANTO que voce vai adorar : 2LDK,Audition e Marebito(japoneses),Sick Nurses(tailandes),Diary(chines),e Sapatos Vermelhos,Phone,To Sir With Love e Epitaph(coreanos). Todos valem a pena e passam longe de serem chatos. So nao esquece de postar sobre eles aqui no VA xD.

    ResponderExcluir
  5. Ah que isso eu só estava brincando, tem filme bom pra todo mundo postar...hehehe

    ResponderExcluir
  6. ah gabriel, todos esses que vc disse, eu já vi :x

    JHDUHSUHSUHSUHSU
    vou ver se posto mais sobre os filmes que eu gostei >XD

    ResponderExcluir
  7. esse filme é horrivel. ñ gostei.
    estava comendo pipoca no inicio e tinha aquelas cenas nojentas. mas tudo bem .
    mas depois o que me deixou puto e a lentidão do filme.
    abraços... kauê

    ResponderExcluir
  8. Melhor filme de vampiro / romance ever made. Sério, amei esse filme... O jeito que ele consegue mudar de estilo drasticamente e continuar tendo nexo é maravilhoso. Assista um pouco mais da metade do filme, e depois dê uma olhada no inicio novamente, vai ver que o filme é ALTAMENTE religioso logo no inicio.

    Assisti 1 vez sozinho, assisti outra com amigos, e pretendo assistir novamente.

    Muito bom mesmo! (Y)

    ResponderExcluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.