2 de out de 2009

O Grito 2 (The Grudge 2)

Título Original: The Grudge 2
País de Origem: EUA
Classificação etária: 16 anos
Tempo de Duração: 105 minutos
Ano de Lançamento: 2006
Estréia no Brasil: 12/10/2006
Estúdio/Distrib.: Paris Filmes
Direção: Takashi Shimizu

Site Oficial

Elenco

Sarah Michelle Gellar, Amber Tamblyn, Edison Chen, Arielle Kebbel, Jennifer Beals, Teresa Palmer, Takako Fuji, Misako Uno, [+].

Sinopse

Em Tóquio, uma jovem garota (Tamblyn) é exposta à mesma maldição misteriosa que atingiu sua irma (Gellar). Essa força sobrenatural que deixa a pessoa em fúria antes de passar para a próxima vítima, une um grupo de pessoas inicialmente desconhecidas, na tentativa de desvendar o mistério e salvar suas vidas.

Vai Lendo!



Quem leu a postagem anterior que fiz sobre O Grito percebeu que adorei o filme. Fiquei com medo, gostei da história, etc. O primeiro filme foi realmente muito bom na minha opinião. Quando um filme é tão bom assim, não costumo esperar muita coisa da continuação. E ainda bem que não esperei nada de O Rancor Grito 2.

Muitas cenas são sim mais assustadoras que as cenas do primeiro filme. No entanto, a história é fraca. Na verdade ri em muitas partes. Acabaram com a história do primeiro filme! Takashi Shimizu, diretor do filme, disse que queria deixá-lo bem diferente do original Ju On 2. Mas será que precisava mudar tanto e deixar a história tão ruim?! Não assisti o original, mas espero que seja melhor, pelo menos na história.


Outra coisa que não gostei foram as atuações e as atrizes escolhidas. Não consegui simpatizar com ninguém daquele filme, além do menininho e do Eason (Edson chen). Atrizes antipáticas, atuações fracas, tudo detestável. Resumindo tudo: não gostei do filme. Pra quem quiser levar alguns sustos pode ser até legal. Se quiser uma história interessante, assista apenas ao primeiro.

Nota (0-10): 6,5 (filme bem feito, mas história FAIL)

Trailer




O que não gostei em O Grito 2 (SPOILER)

- No primeiro filme Peter (Bill Pulman) pula do prédio depois de acordar. No decorrer do filme descobrimos o porquê dele ter feito isso (não é todo mundo que aguenta descobrir que foi indiretamente responsável pela morte de uma família inteira). Na tentativa de fazer uma cena igualmente impressionante logo no começo do filme, em O Grito 2 fizeram a divertida cena da frigideira. Cena boba e que não é totalmente justificada no decorrer do filme. Ela despeja óleo fervendo na cabeça do marido porque mesmo? Estava possuída ou era tpm?
A explicação para essa cena seria que o prédio inteiro estava amaldiçoado, influenciando o comportamento das pessoas.

- O principal motivo de eu ter detestado esse filme: a maldição viaja! ¬¬'

O primeiro filme deixa bem claro que apenas quem entrasse na casa seria amaldiçoado. Uma pessoa que conhece alguém que entrou na casa não morrerá por causa disso. Só morre quem entra na casa amaldiçoada. Até nos extras do primeiro filme explicaram isso. Inclusive na frase inicial explica isso:

"Quando alguém morre tomado de uma poderosa raiva nasce uma maldição. A maldição se concentra no local da morte. Quem encontra-la será consumido por sua fúria"

Entretanto, no segundo filme a maldição simplesmente viaja para os Estados Unidos. Uma tentativa completamente ridícula para explicar esse furo foi que a maldição fortaleceu depois que a casa foi queimada. Olha... já querem que todos compreendam essa história de rancor, maldição e espíritos vingativos. Agora, querer que todos entendam que uma maldição pode "viajar" aí já é demais! Logicamente fizeram isso para o filme não ficar preso no mesmo cenário. As pessoas iriam reclamar que o filme ficou a mesma coisa. Mas preferia uma continuação com quase o mesmo cenário porém com mais sentido, do que uma continuação com cenários novos e uma história sem nexo.

- No "O Chamado 2" ficou até interessante tentarmos compreender a origem da Samara Morgan. No primeiro filme explica que ela é adotada e então quem seria a verdadeira mãe? Porém, tentar explicar a vida da Kayako ficou simplesmente idiota. Fiquei até com um pouco de vergonha dessa cena quando assisti no cinema. Pra que inventar toda aquela história maluca da mãe da Kayako? Toda aquela história do marido ter matado a família inteira já era o suficiente. Não precisava contar a infância, puberdade e adolescência da Kayako. Não entendo essa mania de quererem sempre explicarem as origens. Realmente tem alguns personagens de filmes que passamos a entender melhor depois que conhecemos suas origens, mas a Kayako definitivamente não é um desses personagens.

- Karen (Sarah Michelle Gellar) não deveria ter morrido nesse filme. Ficaria bem melhor se ela continuasse ao estilo Rachel do Chamado: sobrevivendo e depois enfrentado o espírito. Ela poderia no final do filme descobrir um modo de acabar com a maldição ou simplesmente fazer com que a Kayako não a perseguisse mais. Não sei se Sarah Michelle Gellar não gostou muito do filme ou não tiveram muito dinheiro para pagá-la, mas certamente um desses dois motivos fizeram com que Karen Davis morresse logo no começo de O Grito 2.

Se eu lembrar de mais alguma coisa, escrevo depois. xD

11 comentários:

  1. Adoro esse genero de filme, são interessantes e tem desfecho maravilhoso...

    http://cemiteriodaspalavrasperdidas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu não lembro se já assiste isso filme! rsrsrs

    Mais O grito já vi com certeza!

    ResponderExcluir
  3. Ah, eu sou suspeito pra falar porquê nao gostei do primeiro entao nem assisti o segundo!

    Mas sempre leio, pois gosto do jeito que você escreve!

    ;)

    ResponderExcluir
  4. Deus do céu. O Grito 2... pq ? Por que fazem remakes ....

    ResponderExcluir
  5. Obrigada Bruno!

    É bom saber que tem pessoas que apreciam o que eu escrevo. Dá um certo trabalho escrever tudo isso e saber que algumas pessoas gostam, é um incentivo a mais (e grande incentivo) pra eu continuar escrevendo. xD

    vlw!

    ResponderExcluir
  6. ela "viaja'' pq akela menina q ja tava amaldicoada,foi pra la entao tipo q a maldicao vai se concentrar la ela ate traz o toshio cm ela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É MEsmo,A Maldição Não "Viaja",Ela Só Acompanha Quem Ta Amaldiçoado,Apenas Isso,Quando Akela Menina Entrou Na Kza Por Kausa Das Amigas,Ela Ficou Com A Madição,Kuando Foi Acolhida Pelos Pais E Levada Ao Apartamento Kayako E Toshio Foram TB,Deu Mais Ou Menos Para Entender!!!

      Excluir
  7. gente concordo com o autor achei horrivel a historia da maldição viajar. ela podia ter ate ido para os estados unidos mais matava a menina e pronto pois so ela entrou na casa , e a mãe da kayako ser tipo exorcista e da demonios para a menina comer que palhaçada e achei forçada as cenas que os corpos somem como no final que a menina some por dentro do casaco e no momento em que a outra garota a que foi pro hotel que jeito bobo de morrer , e que ótimos atores trabalhavam que primário do pré eu adorei o filme o grito mais que historia ruim, no momento quero assistir ju-on parece que tem uma continuação com cabimento.

    ResponderExcluir
  8. Vamos lá,comecei a comentar no blog agora mais já disse em outra postagem que amo seus posts.

    Sobre a maldição viajar ,está claro que a maldição se concentra no local mais então porque no final do primeiro filme Karen estava com a maldição no hospital ?E a irmã do Bill Pulman no predio dela ???
    Simplesmente quando a pessoa está amaldiçoada o espirito segue ela até a pessoa morrer.

    Segundo ,já deu há entender desde o final do filme anterior que Karen estava amaldiçoada e destinada á morrer,o bom dela morrer no ínicio do filme é isso ,qualquer um pode morrer .
    Não foi salario ou roteiro ruim,a historia da Karen acabou e diferente da fraquissima historia do Chamado 2 ela não necessita de ficar buscando pistas sobre o espirito que que mata-la e sim sua irmã que quer saber o porque de sua irmã ter morrido daquela forma.

    Bem eu adorei o filme ,expandiu a mitologia e continuou com cenas bem macabras,ruim mesmo é aquele terceiro filme cheio de furos aonde o diretor dos 2 primeiros filmes não estava no comando.

    Bem, respeito sua opinião pois adoro suas criticas e existem argumentos para ela.Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiramente, muito obrigada pelos elogios e comentários e por acompanhar o Vai Assistindo! xD

      Sobre a maldição: sim, ela segue a Karen no hospital. Isso porque a Karen entrou na casa amaldiçoada. Ela segue a irmã do Bill Pulman, pq esta tbm entrou na casa. Entendeu o x dessa questão? No primeiro filme, todos os amaldiçoados são pessoas que entraram na casa. No segundo, pessoas que NUNCA entraram na casa são amaldiçoadas tbm, sendo que o primeiro filme deixou bem claro que apenas quem ENTRA na casa, será amaldiçoado. E não me convenceu essa de que "Oh, a maldição está mais forte agora!". Foi desculpa para ter um segundo filme num cenário diferente (talvez até pq filmar no Japão deveria ter algumas limitações e dificuldades).

      Ok, a morte da Karen não foi um fato inexplicável. Mas seria legal ter a Sarah Michelle Gellar nessa continuação, poderiam matá-la apenas no final.

      Respeito sua opinião tbm e mais uma vez, obrigad apor comentar! xD

      Excluir

• Faça pedido de parceria somente na página reservada para isso.

Não aceitamos comentários ofensivos. Se quiser criticar a postagem, critique com educação.

Spams não serão aceitos. Aqui não é lugar para você divulgar seu site, blog ou seja lá o que for.

• Lembre-se de que o Vai Assistindo possui mais de um autor. Portanto, a crítica de cada um deles não expressa a opinião de todos os outros autores. Procure ver logo abaixo do título de cada postagem o nome do autor que a criou.

• As opiniões expressas nos comentários não refletem as dos autores do blog.